quarta-feira, 9 de março de 2011

E o ano começa

Vi um vídeo no facebook de uma jornalista da Paraíba se não me engano falando do carnaval, ela fala dos absurdos que ocorrem, de como nessa época se tem policiamento, atendimento médico e que no resto do ano falta tudo, pois bem, agora acabou de passar uma matéria no jornal sobre isso, mostrando os atendimentos feitos em super postos de saúde, até cirurgia na boca feita em questão de 30 min, me pergunto a mesma coisa que a repórter, onde está esse atendimento perfeito e ágil no resto do ano, onde estão aquele bando, sim bando de policial pro cidadão normal, acho isso o fim da picada, mas todo povo tem o governo que precisa, se o que importa é festa, então é festa que teremos, o resto que se exploda, deixa morrer, deixa ser assaltado, há muito tempo atrás eu li que o brasileiro na época da ditadura aprendeu a disfarçar os abusos sofridos rindo, fazendo piada da situação e pelo visto isso continua e infelizmente acho que nunca vai mudar, circo é o que interessa, me revolto com essa falta de objetividade de nós brasileiros, tão triste quando se viaja pra fora do país e se percebe que as coisas mais simples funcionam e aqui nada, mas tudo bem, porque ainda tem a copa e as olimpíadas não é mesmo?

4 comentários:

Gata Lili disse...

É uma excelente reflexão dessa festa que só fatura os empresários e os bestalhões saem correndo nas ruas...

Lutero disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Silvia disse...

Oi Mauri, tudo bem?
Lembrei muito de você e sua família vendo as reportagens sobre o que aconteceu no Japão. Fiquei com o coração apertadinho em pensar em quem está perto daquilo tudo.
passo para deixar um abraço e muito carinho pra vocês.
(postei antes com o login do meu namorado, por isso apaguei a mensagem). bjo!

Nice disse...

Querida,

a 25 de março está próximo à Paulista...mas não tão pertinho....acredito que uns 15minutos de carro... Quanto ao horário das lojas no sábado elas constumam fechar por volta de 14h00...Outra coisas: muito cuidado com bolsas. A região tem muito índice de assaltos pra pessoas desacostumadas...no mais, é divertido ir às compras por lá;.

Beijos