terça-feira, 30 de junho de 2009

Temaki tá impossível, sobe na cama, conquistou Lya, fica pedindo comida o tempo todo, figura total, mas nada de aparecer alguém legal pra ele, onde andam as pessoas de bem, não voltaram ainda do São João?
Ele só anda meio ruim da barriga, tá com diarréia, passo o dia dando soro caseiro e probiótico duas vezes ao dia.
Minha irmã amanhã começa a mudança dela pro Japão, domingo embarca de vez, vai ficar 3 anos por lá, nem vamos ver meu sobrinho nascer, o mais velho já vai tá enorme quando voltar, saudade antes mesmo de irem.
Lembro bem quando ela tava pra ganhar o primeiro lindão, fui pra lá pra ajudar, quando cheguei no aeroporto e a vi de barrigão, foi tão estranho, aquele bebê que eu vi nascer, crescer, que atormentei, sim porque eu fazia muita maldade pra ela, irmã mais nova tem que sofrer mesmo, tava ali, grávida, passou um filme na cabeça, bem aquela coisa de cinema, era tão inacreditável que ela tinha crescido, acho que foi a primeira vez que tomei consciência disso, que ela era uma mulher adulta, gerando uma vida, criando uma nova família e hoje quando a vejo com o nosso pequeno terror, toda carinhosa, educando, como a vida voa rápido não é? E ai já vem outro, mais um menino, tomara que tenha a mesma boca linda do irmão e a mesma energia, pobre de minha irmã, mas como ela mesma diz, melhor um bem esperto que um paradão.
E assim vou conhecer mais um lugar ano que vem, vou pra terra do sol nascente, que tal, tô chique benhe!
Como as pessoas encaram as coisas de formas tão diferentes, ela indo pro Japão, cultura, língua tudo diferente, morar 3 meses em hotel, ter que deixar o cachorro e o gato, levar o mínimo de coisas pessoais, ganhando neném sozinha e mesmo assim adorando a ideia, nem um pouco estressada e minha amiga mudando pra Manaus, ali do lado, toda estressada, querendo não ir, mesmo sendo o melhor profissionalmente, mas achando tudo difícil, seres humanos não tem mesmo como entender.
Pois eu daria tudo pra ficar mudando de tempo em tempo, adoro conhecer gente nova, culturas diferentes, o mundo é muito grande pra ficar parado no mesmo lugar sempre.
E vocês, gostam de mudanças?
Beijos e boa semana!

7 comentários:

Viviane Soares disse...

Eh mesmo, como o tempo voa... Adoro conhecer lugares diferentes, e amaria ir ao Japão, quem sabe ano que vem as coisas mudam por aqui... Tú sempre xik até morrerrrr!!!!Beijos e até mais.

Elaine dos Santos disse...

Adorei o texto...
Desculpe a falta de comentários, mas aluno em final de semestre pira!
Passei pra dizer que tem um selo pra vc no blog. abçs :)

Lyra Líbero disse...

Mas que criaturinha linda! os rajadinhos são meus favoritos. Calma, logo logo vai aparecer alguém bom que vai se apaixonar por ele e adota-lo, pode ter certeza. Ás vezes vale a pena esperar, ele parece ser um gatinho-doçura. beijocas e boa sorte!

Gisa disse...

Boa sorte para o lindinho! Quanto a mudanças... não fazem muito a minha praia. Nunca poderia abandonar minha "pequena" turminha. Bjs

Claudia disse...

Felina,
Estou de volta com blog novo.
te convido para uma visita.
bjs

Gata Lili disse...

Vai dar tudo certo, vc vai ver!

Blog do Beagle disse...

Tive inúmeras oportunidades de sair de Sampa, para outra cidade brasileira e para o exyerior. Meu marido tem profundas raízes aqui e jamais aceitou ir-se. Uma pena. Boa sorte apra sua irmã, sua amiga e para vc, boa viagem ao Japão e curta o bebê. Bjkª. Elza